Hilana Rodrigues; 06/07/2021 às 15:00

Público LGBTQIA+ terá curso de Escova e Penteados em presídios do Amazonas

O curso é uma parceria entre q Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) e a co-gestora da New Life Gestão Prisional

Pensando nas necessidades e ressocialização do público LGBTQIA+ encarcerado, iniciou ontem, 5, um curso de capacitação em “Escovas e Penteados” para iniciantes voltado aos internos nos Centros de Detenção Provisória de Manaus 1 e 2 (CDPM 1 e 2).

Com duração de duas semanas, totalizando 80 horas de aprendizado, o curso possui aulas práticas e teóricas no turno da manhã e tarde, e é ofertado pela  Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), numa parceria com a co-gestora da New Life Gestão Prisional.

Serão ensinados conhecimentos sobre atendimento ao público, higienização do local de trabalho, lavagem e secagem correta dos cabelos, escova com modelagem ou liso, penteados diversos e coques com tranças repassados pela instrutora Karla Nogueira.

A chefe do Departamento de Reintegração Social e Capacitação (Deresc) e representante do Grupo Específico do Sistema Prisional do Amazonas, Keyla Prado, ressalta que a motivação da Seap para oferecer cursos como este é o reconhecimento de que algumas pessoas LGBTQIA+ tem aptidão para desenvolver tais atividades.

“A população LGBT é um grupo grande dentro das unidades prisionais e nós percebemos que tanto eles têm aptidão para as atividades de beleza, quanto também têm interesse na área. Isso vai ajudá-los bastante lá fora, já que poderão empreender. E em breve nós iremos oferecer outras oportunidades com o mesmo objetivo de prepará-los para a independência financeira”, afirma Keyla.

Meses atrás foi ofertado, também para os encarcerados LGBTQIA+, o curso de capacitação de Maquiagem e de Confecção de Biojóias, além de atendimentos médicos e psicológicos específicos.

*O Mercadizar não se responsabiliza pelos comentários postados nas plataformas digitais. Qualquer comentário considerado ofensivo ou que falte com respeito a outras pessoas poderá ser retirado do ar sem prévio aviso.