Isabella Botelho; 09/06/2021 às 14:12

Nova campanha da Nike alerta perigos da masculinidade tóxica no esporte

Peça faz parte da ação “Play New”, iniciada em maio

A Nike lançou, na última terça-feira, 8, uma campanha com foco no combate à masculinidade tóxica e a desigualdade de gênero, questões sociais que impactam na forma como o público enxerga o esporte. O movimento faz parte da “Play New”, ação que a empresa iniciou em maio e, primeiramente, com o objetivo de mostrar o lado positivo na prática esportiva e como ela pode ajudar a população.

“Toxic Football”, produzida pela Wieden + Kennedy London, é protagonizada por uma bola de futebol com aspecto envelhecido que grita frases estereotipadas masculinas como lições de moral para “ajudar” e “incentivar” os jogadores. Com 50 segundos, o vídeo ainda conta com a participação de Marcus Rashford, jogador do Manchester United. 

Já “New Girl”, feita pela W+K Tokyo, aborda a disparidade de oportunidades entre homens e mulheres no Japão. A peça apresenta uma mulher e a pressão vivida por ela ao descobrir que está grávida de uma menina. No vídeo de 2 minutos, a Nike também aborda o fato de atletas japonesas serem bastante criticadas no país por retornarem às atividades esportivas depois de terem filhos.

 

*O Mercadizar não se responsabiliza pelos comentários postados nas plataformas digitais. Qualquer comentário considerado ofensivo ou que falte com respeito a outras pessoas poderá ser retirado do ar sem prévio aviso.