Por Weronika Garcia; 14/08/2019 às 09:00

Conheça Cássia Menini, publicitária e especialista em marketing

A publicitária falou sobre as vantagens e diferenças do mercado

(Foto: Tadeu Júnior)

Cássia Cristina Menini Bezerra é publicitária e especialista em marketing, integra a equipe do Centro Educacional Século, atuou em algumas agências de Manaus, como a Saga Publicidade e também ministrou aulas na Faculdade Martha Falcão. 

O Mercadizar a convidou para falar sobre o  mercado publicitário nortista, confira:

Mercadizar: Qual o cenário atual da publicidade no mercado?

Cássia Menini:  Converso com muitos clientes, amigos empresários, professores, palestrantes do país inteiro. E o cenário é praticamente o mesmo no Brasil. As novas plataformas estão tomando espaços significativos já tem um tempo. Não é novidade para ninguém. Não há mais tanto sentido em fazer TV, Jornal e Rádio apenas. Supermercados fora da praça de Manaus já não colocam as ofertas do outro dia no horário nobre da TV. A TV aberta já não é mais soberana. Mas, como sempre digo em Manaus é diferente. É um mundo à parte. Kotler deveria escrever um livro específico sobre como funciona a publicidade na cidade e como é consumida. 

Mercadizar: E qual seria essa diferença de Manaus para o resto do país?

Cássia Menini: A maior diferença é no investimento e na ousadia. Enquanto nas outras praças percebemos uma preocupação maior em relação à construção de identidades próprias, singulares e únicas, que sejam referências. No Norte, são poucas as empresas que preocupam-se minuciosamente com os detalhes que fazem a diferença na percepção do cliente

Às agências, como um todo, não somente em Manaus, falta o pensamento do cliente enquanto empresa, enquanto posicionamento de mercado e como vamos gerar conteúdos relevantes Entender o mecanismo de como a informação e a tomada de decisão de compra é formada para alcançar o potencial cliente no ponto certo. Entender as necessidades em todos os pontos do cliente, como arquitetura, limpeza, decoração, atendimento, processos, marketing pessoal, marketing olfativo. Até o trajeto pelo qual o cliente tem que percorrer na loja para finalizar uma compra conta. 

Mercadizar: A publicidade lhe traz quais desafios?

Cássia Menini: O mundo da publicidade representa sempre estar estudando as novidades, as tendências, em constante criação e mudando a ótica do mundo. Temos que encarar a realidade e, ainda assim, ter a sensibilidade de prever tendências e criar conteúdos originais, que se destaca dos concorrentes. É mais fácil manter-se copiando o que é feito fora, sem reinventar a roda. Mas este conceito acaba frustrando a maioria dos empresários, que não vêem resultados positivos nos seus departamentos de marketing ou junto a suas agências de publicidade/propaganda. É preciso ter em mente que, se o empresário está com problemas de comunicação com sua equipe, talvez um jornalzinho interno não seja bem o ideal. Apenas sugerir uma reunião semanal de comitê com os líderes resolva maior parte. 

Mercadizar: Porque as empresas precisam ver, entender e valorizar os trabalhos de marketing?

Cássia Menini: O trabalho do Marketing é fazer a marca (seja ela qual for) ser atrativa para o seu consumidor, provocando sua vontade própria em entrar em contato para consumir. Seja entrando numa loja, ligando para fazer orçamento ou mesmo considerando aquela marca para ter dentre os produtos que consome diariamente. O marketing aumenta vendas, aumenta faturamento, aumenta valor de mercado, aumenta a quantidade de profissionais que querem trabalhar na empresa, por sua capacidade de desenvolvimento do profissional, pela competência, aumenta a reputação da empresa enquanto relevante investidora na economia e na formação. Auxilia na linha de frente, no RH, na qualidade de entrega, embalando o produto (literal ou metaforicamente), as centrais de custos junto ao financeiro, etc. 

Mercadizar: Qual mensagem poderia deixar aos profissionais da publicidade?

Cássia Menini:  Acredito que a conscientização dos profissionais em prol do nosso futuro, para nossa carreira e evolução, assumir posturas e gerar a discussão sobre como a nossa área está caminhando, neste novo cenário de inovação e 4.0, com menos ego e mais movimentação estratégica e política, para definir as regras do jogo. Compartilhar conhecimento e ser referência de boas práticas permite que fiquemos mais consolidados e blindados frente a profissionais de outros estados ou mesmo de outras áreas a tomarem nossos negócios.

*O Mercadizar não se responsabiliza pelos comentários postados nas plataformas digitais. Qualquer comentário considerado ofensivo ou que falte com respeito a outras pessoas poderá ser retirado do ar sem prévio aviso.