Patrícia Patrocínio; 10/06/2021 às 09:00

Cerveja Corona é a primeira marca de bebidas a se tornar neutra em resíduos plásticos

O feito foi anunciado durante a Semana dos Oceanos

A Corona acaba de se tornar a primeira marca de bebida global neutra em resíduos plásticos, o que significa que a cerveja recupera e recicla mais plástico do que coloca no mundo. O feito foi anunciado durante a Semana dos Oceanos e o avanço faz parte do objetivo da Ambev em ser líder em sustentabilidade em produtos de consumo embalados e para ajudar a proteger praias e oceanos da poluição por plástico.

A conquista acontece depois de uma extensa avaliação das operações globais da Cerveja, de acordo com as Diretrizes Corporativas de Gestão de Plásticos 3RI da South Pole, consultoria internacional líder em soluções de sustentabilidade, medindo desde o uso restante de plástico da marca em todos os seus produtos, até a revisão de sua logística e distribuição. O processo seguiu o Padrão de Redução de Resíduos Plásticos da Verra Plastic, líder global no enfrentamento a desafios ambientais e sociais, para calcular o impacto das atividades de mitigação de plástico de Corona, incluindo um grande investimento no México Recicla, projeto e instalação de reciclagem no México. 

Na jornada para eliminar inteiramente seu consumo de plástico, uma das iniciativas de Corona é o Desafio Livre de Plástico (Corona Plastic-Free Challenge), que busca empreendedores de todo o mundo para ajudar a encontrar novas ideias ou tecnologias para reduzir ou eliminar o plástico restante da cadeia de abastecimento. Lançado em 2019 no Brasil, o projeto teve sua segunda edição anunciada em maio deste ano.

Até agora, Corona conduziu globalmente mais de 1,4 mil ações de limpeza, engajando 68 mil voluntários e coletando plástico de mais de 44 milhões de m² de praias. No Brasil, já foram mais de 25 limpezas desde 2019, totalizando 1,2 milhão de m² de praias limpas e recolhendo mais de 5,4 toneladas de lixo descartados de forma irregular na natureza. Em parceria com a Green Mining e a Precious Plastic, a cerveja ainda abriu em fevereiro deste ano as estações Protect Paradise, com dois containers instalados em Fernando de Noronha (PE) e Trancoso (BA) para coleta, reciclagem e transformação de plástico, cada uma com capacidade para processar até 1,5 tonelada de plástico por mês.

*O Mercadizar não se responsabiliza pelos comentários postados nas plataformas digitais. Qualquer comentário considerado ofensivo ou que falte com respeito a outras pessoas poderá ser retirado do ar sem prévio aviso.