Por Ariel Bentes; 17/10/2019 às 11:27

Óscar Ramos é o artista por trás das capas dos álbuns ‘Uns’ de Caetano Veloso e ‘Álibi’ de Maria Bethânia

No Dia da Música Popular Brasileira, saiba como o artista amazonense contribuiu para este gênero musical

17 de outubro é conhecido como o Dia da Música Popular Brasileira, a famosa MPB. A data é uma homenagem ao aniversário de Chiquinha Gonzaga, primeira compositora oficial do gênero. Além de Chiquinha, essa expressão musical tem outros grandes cantores e compositores como, Caetano Veloso, Gal Costa e Gilberto Gil. E Óscar Ramos, artista visual e designer amazonense, foi o responsável pela capa de diversos álbuns desses artistas.

Juntamente com o também artista visual, Luciano Figueiredo, Óscar foi o coautor da capa de “Araçá azul” e “Cores, nomes” de Caetano Veloso, “Fa-tal” de Gal Costa, “Barra 69: Caetano e Gil ao Vivo na Bahia” de Caetano Veloso e Gilberto Gil e também de “Álibi” de Maria Bethânia. Além disso, Óscar foi o autor da capa de “Uns” do cantor Caetano Veloso.

Álbum “Uns” de Caetano Veloso
Álbum “Álibi” de Maria Bethânia

Óscar Ramos

Além dos álbuns citados, o artista foi foi colaborador da revista “Navaluca” e assinou a direção de arte de filmes como “Menino do Rio” e “Tainá”. Óscar faleceu no dia 13 de junho deste ano. Saiba mais sobre ele aqui

*O Mercadizar não se responsabiliza pelos comentários postados nas plataformas digitais. Qualquer comentário considerado ofensivo ou que falte com respeito a outras pessoas poderá ser retirado do ar sem prévio aviso.