Isabella Botelho; 12/08/2020 às 17:00

Manual da Mulher Candidata, do Projeto Me Farei Ouvir, auxilia nas candidaturas femininas 

Iniciativa tem a proposta de ampliar o acesso à informação e fomentar as candidaturas de mulheres nas eleições de 2020

Segundo o Inter-Parliamentary Union, o Brasil é um dos piores países em termos de representatividade política feminina, ocupando o terceiro lugar na América Latina em menor representação parlamentar de mulheres. No ranking, a nossa taxa é de aproximadamente 10 pontos percentuais a menos que a média global e está praticamente estabilizada desde a década de 1940. Isso indica que além de estarmos atrás de muitos países em relação à representatividade feminina, poucos avanços têm se apresentado nas últimas décadas.

Com o objetivo de ampliar o acesso de candidatas à informação, bem como fomentar as candidaturas de mulheres, diversas iniciativas têm trabalhado para aumentar a representatividade feminina nas eleições de 2020, que serão disputadas em novembro. Uma delas é o Manual da Mulher Candidata, produzido pelo Projeto Me Farei Ouvir. Disponível de forma online e gratuita, a cartilha tem o objetivo de servir como material de consulta para pré-candidatas e para profissionais que atuam em campanhas políticas femininas, abordando desde orientações burocráticas sobre etapas de registro de candidatura, até decisões sobre escolha do partido e estratégias de pré-campanha e de campanha. 

“Nas eleições de 2018, cerca de 40% das candidaturas consideradas inaptas pela Justiça Eleitoral foram de mulheres e o principal motivo é o indeferimento por falta de documentação. Queremos mudar isso e garantir autonomia para mulheres candidatas. Por isso, este material é de distribuição gratuita, pode e deve ser compartilhado com todas as pessoas que tiverem interesse no tema”, afirma a apresentação. 

Acesse o manual na íntegra aqui.

Sobre o Projeto Me Farei Ouvir 

O Me Farei Ouvir é um documentário independente, 100% realizado por mulheres e que está em produção desde novembro de 2019. Um grito de resistência e esperança em defesa da paridade de gênero e da promoção de mais mulheres na política. O filme aborda os gargalos e labirintos que a democracia brasileira produz para dificultar o acesso de mulheres.

View this post on Instagram

ESTÁ NO AR ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Manual da Mulher Candidata, idealizado pelo Me farei ouvir, já está disponível em: www.mefareiouvir.com.br/#manual ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ 🗳 Legislação eleitoral descomplicada, 💸 Dicas para financiamento e prestação de contas, 🎯 Comunicação, mobilização e uma pitada a mais de incentivo. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Gratuito, didático e feito com carinho 💞 por mulheres para mulheres. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Com mais de 100 páginas, o Manual foi co-organizado pela jornalista, especialista em marketing político eleitoral e sócia do Estúdio Pavio Criativo (@paviocriativo), Dandara Lima (@dandlima), e pela advogada, ex-candidata a deputada distrital (2018) e atual administradora do Plano Piloto (DF), Ilka Teodoro (@ilkateodorodf). Já a revisão jurídica ficou a cargo da renomada advogada eleitoralista, fundadora da Academia Brasileira de Direito Eleitoral e Político (@abradep_oficial), Maria Cláudia Bucchianeri (@mariaclaudiabucchianeri). A direção de arte é uma assinatura do Estúdio Cajuína (@estudiocajuina). ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Baixe e compartilhe, é para ele rodar de mão em mão! Vamos juntas eleger mais mulheres em 2020 e além 💪🏾🚀 ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ #MeFareiOuvir #ManualDaMulherCandidata #LegislaçãoEleitoral #MaisMulheresEleitas #MaisDeNós #Eleições2020

A post shared by Me Farei Ouvir (@mefareiouvir) on

*O Mercadizar não se responsabiliza pelos comentários postados nas plataformas digitais. Qualquer comentário considerado ofensivo ou que falte com respeito a outras pessoas poderá ser retirado do ar sem prévio aviso.